Bispo do Funchal celebrou Festa do Consagrado

Bispo do Funchal celebrou Festa do Consagrado

D. António Carrilho apelou hoje aos religiosos e consagrados da diocese para que “não deixem apagar a alegria e a esperança” da sua vocação. Foi durante a eucaristia do 20.º Dia do Consagrado, (proposto pela Santo Padre João Paulo II, em 1997), na Sé, e que este ano teve como tema de reflexão, durante uma semana: “Consagrados ao serviço da vida”.
Ainda que haja “crises” no contexto onde são chamados a dar testemunho do seu “carisma” e que a “sociedade” menospreze os “valores” religiosos, o bispo do Funchal destacou a “importância” dos consagrados na Igreja como “sinais luminosos de fé e esperança”, e pediu aos participantes na cerimónia que sejam firmes na sua “identidade“, na “relação com os outros”, nas “periferias sociais”, e como exemplos “contagiantes” para os jovens.
Citando o Papa Francisco, numa recente audiência com membros da Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e as Sociedades de Vida Apostólica, D. António desafiou os consagrados a assumirem o “compromisso de estar ao lado dos jovens” e de “contagiá-los com a alegria do Evangelho e da pertença a Cristo”. Nas palavras do Santo Padre,  “não faltam jovens generosos, solidários e comprometidos em nível religioso e social; jovens que buscam uma vida espiritual, que têm fome de algo diferente do que o mundo oferece”.
“A vida consagrada é uma história apaixonada pelo Senhor e pela humanidade”, sublinhou o bispo do Funchal que também interpelou os jovens quanto a uma “resposta generosa ao chamamento vocacional”. Na sua homilia, agradeceu ainda o empenhamento, o serviço apostólico dos membros das várias congregações e institutos que trabalham na diocese.
Nesta eucaristia do Dia do Consagrado e festa litúrgica da Apresentação do Senhor no Templo, seis religiosas celebraram os seus votos jubilares: três Bodas de Diamante (duas da Apresentação de Maria e uma das Franciscanas de Nossa Senhora das Vitórias); e três Bodas de Ouro  (uma Irmã Hospitaleira do Sagrado Coração de Jesus, uma da Apresentação de Maria e uma Irmã das Filhas da Caridade).

Contactos

Diocese do Funchal
Largo Visconde Ribeiro Real, 49
FUNCHAL
9001-801

© 2015 Todos os direitos reservados.

Diocese do Funchal - Gabinete de Informação