Evocação do 25º aniversário da visita de João Paulo II à Madeira

12-05-2016 19:46

Adro da Sé do Funchal, 12 de Maio de 2016

 

Foi há vinte e cinco anos, no dia 12 de Maio de 1991, que o Papa João Paulo II, hoje São João Paulo II, visitou a Madeira. Pela primeira vez, em 500 anos de história da Diocese, um Papa visitou a nossa terra.

De facto foi uma visita extraordinária, que bem merece ser recordada e agradecida. Por isso fazemos esta breve evocação, colocando uma coroa de flores junto à sua estátua, que nos fará recordar os momentos inesquecíveis daquele belo dia e a mensagem profunda que deixou.

O Santo Padre esteve aqui na Madeira apenas sete horas, mas deixou no coração dos nossos diocesanos uma força impressionante, que lhe advinha da sua profunda oração e intimidade com Cristo e com Maria, Sua Mãe.

Foi uma visita pastoral do Sucessor de Pedro que, por isso mesmo, se tornou um valioso tesouro da Igreja Diocesana do Funchal, parte importante e inolvidável do património espiritual, religioso e cultural de todo o Povo Madeirense.

Ninguém esquecerá, certamente, o coração bondoso de João Paulo II e aquelas suas palavras de despedida, aqui na Catedral, que ficarão bem gravadas na história da nossa Diocese: “Deus abençoe todos os cidadãos da vossa Ilha maravilhosa, a Madeira”.

Quem diria que, passados 25 anos, estaríamos nós hoje a recordar a sua visita e a enaltecer a sua santidade, já reconhecida em toda a Igreja e proclamada com a sua Canonização pelo Papa Francisco, na manhã do dia 27 de Abril de 2014, na Praça de São Pedro, em Roma.

Que grande alegria para a Igreja e para todos nós, podermos contemplar essa invulgar figura de Pastor Universal: o coração grande e generoso de um Papa, muito humano e cheio de Deus, sempre preocupado com os problemas de todos, buscando e lutando pelas melhores soluções e respostas para as questões humanas e sociais.

Como já tenho dito muitas vezes: “que bom olhar para ele, guardar a alegria do seu sorriso e do seu abraço, a força da sua personalidade e da sua mensagem, o testemunho da sua santidade”.

Que São João Paulo II continue a interceder por nós junto de Deus e a derramar a sua bênção e o perfume da sua bondade, sobre estas Ilhas da Madeira e Porto Santo!

 

Funchal, 12 de Maio de 2016

† António Carrilho, Bispo do Funchal

Voltar

Contactos

Diocese do Funchal
Largo Visconde Ribeiro Real, 49
FUNCHAL
9001-801

 

© 2015 Todos os direitos reservados.

Diocese do Funchal - Gabinete de Informação