Armas de Fé

De azul, faixa de prata ondada, carregada com uma faixeta ondada de verde, entre três peixes de vermelho bem ordenados, os superiores em cortesia, acompanhada de chrismon de ouro, contido em aro do mesmo, e de estrela de oito pontas de prata. Chapéu negro forrado de verde. Cordões e seis borlas por lado de verde. Listel de branco com a legenda a negro: FAZ-TE AO LARGO. Cruz episcopal de ouro sotoposta ao escudo e ao listel.

As peças do escudo: a faixa ondada carregada com os peixes representa o mar e os peixes o Povo de Deus. A sua escolha articula-se com a legenda " Faz-te ao largo ", tirada do Evangelho segundo S. Lucas (5,4); simboliza também o mar do Algarve, donde o prelado é natural, e alude à igreja da sua ordenação episcopal: S. Pedro do Mar, em Quarteira.

A posição dos peixes superiores - em cortesia, isto é voltados um para o outro - é a usual, quando no escudo figura, como é o caso, algum símbolo representativo de Cristo, obrigando a que, por respeito, os animais se voltem para este símbolo.

O chrismon de ouro representa Cristo, ocupando o lugar mais honroso do escudo, o chefe. Encontra-se dentro de um aro a significar que a acção apostólica do Bispo se orienta para colocar Jesus Cristo no centro do mundo.

A estrela de prata é por excelência um símbolo mariano, aludindo às padroeiras da Sé de Faro e da Sé e da Cidade do Porto, onde o prelado iniciou o seu múnus como Bispo Auxiliar, e ainda a Nossa Senhora da Piedade, a Mãe Soberana, Padroeira da Cidade e do Concelho de Loulé, donde é natural. Também a Diocese do Funchal é especialmente dedicada à Virgem Santa Maria, tendo-a como Padroeira, sob invocações diversas, 48 das suas 96 paróquias, e a própria Diocese, sob o título de Nossa Senhora do Monte.

As Armas de Fé de D. António Carrilho são da autoria do Arq. Segismundo Pinto

 

Contactos

Diocese do Funchal
Largo Visconde Ribeiro Real, 49
FUNCHAL
9001-801

 

© 2015 Todos os direitos reservados.

Diocese do Funchal - Gabinete de Informação